RH ágil: como aplicar essa metodologia?

RH ágil: como aplicar essa metodologia?

O uso de metodologias ágeis deixou de ser exclusividade do setor de tecnologia. O RH Ágil traz colaboração e transparência para a área. Veja como implementá-lo!

A área de Recursos Humanos (RH) engloba uma enorme quantidade de processos. Nesse sentido, simplificar a rotina operacional desse departamento é uma necessidade constante entre as organizações. É exatamente essa a proposta do RH Ágil, conceito que descomplica os processos organizacionais.

Operações engessadas afetam a produtividade do RH e, consequentemente, os seus resultados. Por outro lado, a adoção de uma gestão ágil facilita a condução de projetos e agrega autonomia às tarefas desse setor.

Quer saber como aplicar essa metodologia na prática e quais são os seus impactos? Neste post, vamos abordar o que é e como adotar o RH Ágil. Confira!

O que é RH Ágil?

O RH Ágil tem a sua origem na Metodologia Ágil, um conceito criado com a finalidade de otimizar as etapas de desenvolvimento de softwares. A ideia desse sistema é dividir as tarefas em partes menores, estabelecer uma comunicação clara e eficiente entre as pessoas responsáveis pelo processo e efetuar melhorias continuamente.

Na área de Recursos Humanos, a metodologia tem como objetivo promover a condução dos trabalhos do setor com o máximo de agilidade, eficiência, colaboração e transparência. Trata-se de um modelo que atualiza o comportamento do RH tradicional, transformando-o em um padrão acessível e ágil.

Isso é feito a partir dos retornos dos colaboradores da organização. O RH Ágil reconhece o valor e a importância estratégica dessa área para as empresas e, a partir daí, visa a reduzir a burocracia para que se torne mais autônoma e produtiva.

Quais são os seus principais pilares?

A implementação de metodologias ágeis para RH se tornou uma tendência nesse setor. Porém, para obter sucesso por meio dessa estratégia é fundamental levar em consideração os seus princípios. Veja, a seguir, quais são os pilares do RH Ágil:

  • transparência: o colaborador precisa saber tudo o que o envolve;
  • adaptabilidade: deve prevalecer sobre a prescrição;
  • ambição: deve vir antes da obrigação;
  • engajamento: deve estar acima das motivações externas;
  • redes colaborativas: deve prevalecer sobre as estruturas hierárquicas.

Não basta instituir o RH Ágil, é fundamental implementar o mindset ágil, a partir dos pilares das metodologias ágeis. É necessário adaptar o ambiente de trabalho, criar uma rede de equipes capacitadas e que colaborem de modo efetivo, formadas por colaboradores altamente engajados e que se desenvolvam constantemente.

Como funciona o RH Ágil?

Em empresas que trabalham com um RH tradicional, as atividades associadas ao recrutamento de talentos só são iniciadas a partir do momento em que uma vaga é aberta e disponibilizada ao público.

Os processos de treinamento e desenvolvimento também são realizados de forma pontual, até que se alcance o nível de performance objetivado, impedindo que o colaborador atinja todo o seu potencial.

Além disso, o plano de cargos e carreira são imutáveis, fator que pode inibir um profissional de mudar de área de atuação e dificultar a implementação de ações inovadoras no setor. Sem falar que a gestão de talentos tem como única finalidade atrair e avaliar novos profissionais, sem se preocupar em retê-los.

Quando a organização á pautada pelo RH Ágil, todos os processos são pensados de modo estratégico. Isso começa pelo Employer Branding (marca empregadora), que é trabalhado constantemente, a fim de atrair e recrutar talentos que se identificam com a sua organização continuamente.

O RH Ágil também tem como foco proporcionar um ambiente acolhedor, em que o colaborador aprende e se desenvolve todos os dias. Os profissionais são estimulados a participar ativamente das soluções de problemas e projetos da organização e do crescimento de sua carreira.

Como aplicar o RH Ágil nas empresas?

A aplicação do RH Ágil nas empresas não acontece de forma isolada, mas sim, de maneira estruturada. Isso significa que deve estar presente no modo de pensar da organização e nas atividades práticas no setor de Recursos Humanos. Entenda, a seguir, como implementar esse conceito na sua companhia.

Promova o engajamento das lideranças

Antes de tudo, é importante que as lideranças da empresa estejam preparadas para comandar a implementação do RH Ágil. Sem o envolvimento dos gestores, a adoção desse conceito não vai sobreviver por muito tempo.

Para engajar as suas lideranças, é recomendado fazer reuniões para conscientizá-las sobre a importância das práticas ágeis. Para isso, você pode criar um programa interno voltado para o desenvolvimento de líderes, com palestras e aulas dinâmicas, que os engaje com o RH Ágil.

Outro ponto relevante é mostrar gráficos que apresentem os resultados dos indicadores desse conceito dentro da organização, para que as lideranças enxerguem os benefícios na prática.

Defina metas

A definição de metas é crucial para a estruturação bem-sucedida do RH Ágil, começando pelo mapeamento das dores da empresa. Somente assim será possível metas realmente relevantes para a companhia.

As metas podem estar relacionadas a atração e retenção de talentos, aprendizagem dos colaboradores, entre outras possibilidades. O importante é que elas sejam desafiadoras, mas plenamente alcançáveis.

É preciso, ainda, selecionar indicadores de desempenho (KPIs) para acompanhar o atingimento das metas e dos seus processos, o que permite identificar e corrigir erros que estejam prejudicando a performance do RH.

Incentive a mudança de mentalidade

A implementação do RH Ágil deve estar devidamente alinhada à cultura organizacional da empresa. Isso porque traz mudanças na rotina, no perfil e na atuação do ambiente de trabalho do RH, que só podem ser sustentadas ao longo do tempo se estiverem incutidas em seu time ágil.

Portanto, adeque a sua cultura organizacional, o que implica em criar valores, discursos e rotinas mais dinâmicas, que facilitem a adoção de tecnologias e métodos inovadores e melhorem a gestão de processo de RH.

Estimule o aprendizado contínuo

Uma das principais propostas das metodologias ágeis, como o Scrum, é gerar respostas rápidas e constantes para a organização. Sendo assim, você deve estimular os seus profissionais a se aperfeiçoarem constantemente, oferecendo a eles opções de qualificação para que estejam aptos a contribuir para a inovação do negócio.

Pratique a transparência

A transparência é vital para o RH Ágil. Com base nisso, seja claro na hora de compartilhar as novas práticas, metas e resultados do conceito adotado. Essa iniciativa evita dúvidas que afetam a participação dos colaboradores, tornando-os mais confiantes em suas funções.

Descentralize as responsabilidades

A centralização das responsabilidades prejudica a autonomia do RH — um dos princípios da Metodologia Ágil no RH. Em vez de estarem nas mãos de poucos gestores, as responsabilidades devem ser compartilhadas com o maior número possível de líderes, o que amplia a disseminação do conceito ágil.

Faça avaliações de desempenho

Por fim, é importante ter em mente que a implementação do RH Ágil não ocorre de uma hora para outra, demanda testes e mudanças que acontecem gradualmente. Nesse contexto, a empresa deve fazer uma avaliação de desempenho das alterações realizadas para entender os seus pontos positivos e negativos, a fim de promover melhorias contínuas.

A transformação digital exige que as empresas atuem de forma cada vez mais dinâmica. A adaptação do RH a esse novo cenário é imprescindível para o alinhamento da organização com o mercado, visto que estamos falando do setor que é a porta de entrada de talentos e que é responsável por engajar os profissionais aos objetivos da empresa.

Com a adoção do RH Ágil, é possível formar equipes altamente qualificadas, que se desenvolvem continuamente, o que impulsiona a produtividade da empresa. O conceito também possibilita a construção de relações de trabalho em um ambiente mais saudável, dando origem a times colaborativos e participativos, capazes de apresentar soluções inovadoras para o seu negócio.

Quer otimizar o aprendizado de seus colaboradores? Conheça 6 benefícios da tecnologia para a educação corporativa!

Fale o que você pensa!

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Desenvolvido por: Bulki e WPTotal
Pop Up Image

Campanha A Catho resolve

X