motivação rh

Qual é o papel do RH na motivação dos colaboradores?

Você já parou para pensar sobre qual é a relação entre motivação e RH? Um dos grandes desafios do setor de gestão de pessoas é pensar em soluções que garantam um time engajado e comprometido com os objetivos da empresa — um trabalho que é diretamente relacionado ao estímulo do profissional.

Para tanto, existem diversos recursos que podem ser utilizados para alinhar as expectativas dos colaboradores, a fim de gerar motivação. Mas ao contrário do que você pode estar pensando, fazer isso não é algo tão complicado e não está ligado apenas a fatores subjetivos e à remuneração.

Ficou curioso e quer se aprofundar na relação entre motivação e RH? Então, continue a leitura!

Qual é o papel do RH na motivação do time?

A motivação anda de mãos dadas com a produtividade das empresas, concorda? Porém, em meio a tantos desafios da vida profissional, como garantir que os colaboradores se sintam motivados em suas posições e interessados em crescer com a empresa?

O departamento de RH tem um papel fundamental na elaboração de estratégias e no acompanhamento das lideranças para fomentar a cultura de desenvolvimento profissional e engajar os colaboradores nas suas trajetórias.

Para tanto, é preciso empregar esforços para entender as pessoas que fazem parte da organização, compreendendo como elas se relacionam com a empresa, de modo individual e coletivo. Também é preciso avaliar se as pessoas se sentem seguras com relação ao seu trabalho, pois isso impacta diretamente na forma que elas agem e, portanto, nas entregas que realizam.

A função do RH é, então, analisar como as pessoas se sentem na organização, para poder criar estratégias focadas na automotivação. Mas o que fazer para conhecer o sentimento das pessoas? É o que vamos mostrar a seguir.

Motivação e RH: o que fazer para aumentar a motivação dos colaboradores?

Agora que você já sabe qual o papel do RH na motivação do time, veja como promovê-la com as dicas que separamos nesta seção.

Reuniões de feedback

Sem feedback das tarefas e condutas, fica praticamente impossível motivar as pessoas, concorda? Isso porque elas precisam saber quais são seus pontos positivos e o que têm de fazer para aprimorar as suas funções e promover entregas melhores.

Nesse sentido, as lideranças têm papel fundamental, pois é de extrema importância que possam promover o diálogo para manterem os colaboradores engajados e comprometidos com os objetivos organizacionais.

O feedback deve privilegiar uma comunicação de mão dupla, com as lideranças dispostas a falar e a estarem preparadas para ouvir os colaboradores. Vale lembrar que o feedback positivo tem o objetivo de exaltar as tarefas e os comportamentos acertados de colaboradores e seus pares.

Já quando o feedback é negativo, ele deve ser concedido tendo em mente o desenvolvimento dos profissionais; lembre-se de que toda comunicação deve ser baseada em fatos e dados reais.

Com isso, é possível corrigir as estratégias e as rotas das atividades individuais e em grupo, contribuindo para o desenvolvimento de todos os que fazem parte do negócio.

Propor recompensas

Apesar de as pessoas não serem motivadas apenas por dinheiro e prêmios, é possível realizar ações nesse sentido. Além de a organização manter um bom plano de cargos e salários, também é necessário criar outras estratégias para motivar os funcionários, e a proposição de recompensas, como brindes e bônus, pode e deve ser usada para, por exemplo, premiar o alcance de uma meta.

Para que as ações sejam efetivas e as recompensas estejam de fato alinhadas às expectativas dos colaboradores, é essencial desenvolver uma escuta ativa.

Lembre-se também de deixar claro quais serão os indicadores; assim, cada profissional pode acompanhar a própria performance, tanto individual quanto em grupo. A transparência é fundamental para que os esforços sejam bem-sucedidos.

Promover um ambiente agradável e descontraído

A nova geração de profissionais já escolhe onde deseja trabalhar. Por isso, é preciso oferecer um ambiente agradável e também investir em condições melhores, o que ajuda a elevar a marca empregadora, colocando a companhia entre as melhores empresas para trabalhar.

Para isso, comece pelo básico, revendo as instalações da empresa e as condições de trabalho, como a infraestrutura de mesas, cadeiras, equipamentos e até climatização das salas.

E um ambiente agradável também é aquele em que as pessoas podem ser elas mesmas, concorda? Por isso, é preciso estar atento à diversidade nas empresas, além de rever as políticas de inclusão e monitoramento das atividades.

Pense também em oferecer espaços de acolhimento e descanso, como salas de televisão com sofá, cafezinho e até uns lanchinhos. Nesse ambiente, o profissional pode tirar uns minutinhos para aliviar o estresse entre uma entrega e outra, o que ajuda a aumentar a qualidade dos trabalhos, contribuindo ainda para a saúde mental das equipes.

Qual é o impacto de ter um time motivado para a empresa?

Como você pode perceber, é possível motivação e RH andarem juntos. Com as ferramentas de pesquisa de clima e avaliação de desempenho — só para citar alguns exemplos —, é possível mapear as necessidades dos colaboradores e promover ações para o aumento da motivação.

Como consequência, a empresa colherá diversos benefícios. Destacamos os principais para você agora.

Melhora a autoestima dos colaboradores

Quando as pessoas percebem que a empresa acredita nelas, existe, naturalmente, um ganho na autoestima. Além disso, os funcionários ficam orgulhos em pertencer à organização, sentem-se mais motivados e engajados, além de ficarem gratos por fazerem parte de uma empresa que se importa com eles. Como consequência, tendem a realizar entregas melhores.

Otimiza o uso do tempo

Colaboradores motivados aproveitam melhor o tempo no trabalho, produzindo mais e melhor. Você sabe o que isso significa? Mais lucros para a organização!

Além disso, as taxas de absenteísmo são reduzidas, o que também colabora positivamente para os resultados globais da empresa.

Reduz o turnover

Quando o colaborador se sente motivado e pertencente a uma empresa, tende a ficar por mais tempo na organização. Isso favorece a redução das taxas de turnover, e a empresa passa a contar com uma mão de obra cada vez mais especializada no negócio, o que é um grande diferencial competitivo.

Viu como motivação e RH podem andar juntos e contribuir com melhores resultados, tanto para empresas quanto para as pessoas que fazem parte dela? Para que você possa promover esses resultados, precisa continuar se capacitando com conteúdos que ajudem a melhorar os processos de RH.

E que tal continuar agora a sua jornada de conhecimento sobre processos de RH? Assine a nossa newsletter para receber as seleções de conteúdos que preparamos todo mês!

Guia do RH para a saúde mental no ambiente corporativo

Assine a nossa newsletter e tenha em mãos as novidades mais relevantes sobre RH!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.