metodologias ágeis no rh

Metodologias ágeis no RH: quais os benefícios?

Com o avanço da tecnologia e o dinamismo conferido às empresas para se manterem competitivas no mercado, os Recursos Humanos passam a assumir uma posição muito mais estratégica e analítica nas organizações.

Nesse cenário, as metodologias ágeis — também conhecidas como metodologia ágil — assumem um papel preponderante para integrar a empresa às mudanças de mercado.

Assim, o conhecimento adquirido com o alinhamento das melhores práticas possibilita que o departamento se organize, entenda as suas demandas prioritárias e tenha conhecimento de como se antecipar às tendências do futuro.

Portanto, quanto maior for a sinergia com as inovações e soluções tecnológicas, mais preparado é o setor de RH. Quer conhecer melhor as metodologias ágeis no RH e quais são os seus benefícios? Então, continue a leitura!

O que são metodologias ágeis?

As metodologias ágeis nasceram na área da tecnologia, na qual o dinamismo das informações faz com que o setor tenha que se aprimorar, de forma constante, lançando novas soluções para acompanhar as demandas do mercado. Nesse contexto, o termo em inglês “agile software development” deu nome ao apanhado de métodos que tornam possível o aperfeiçoamento das equipes de colaboradores.

Assim, antes do aparecimento das metodologias ágeis, recorrentemente, os projetos ficavam parados entre os seus ciclos. Já após a implantação da metodologia, as entregas passaram a ser mais constantes e dinâmicas. Isso acontece porque as empresas passaram a lidar de uma melhor forma com os imprevistos, já que as etapas dos projetos se tornaram flexíveis. Assim, o serviço passou a ser entregue em partes, até o momento da sua finalização.

Como funcionam as metodologias ágeis?

Devido à sua eficiência, a metodologia Agile começou a se expandir para outras áreas da empresa, além da criação de software. Assim, a discussão para escalar a metodologia para outros departamentos deu origem a novas formas de administração empresarial, como pessoal e orçamentos. Os conceitos ágeis deram origem a um movimento conhecido como Agile RH.

De maneira prática, as metodologias ágeis passaram a prezar mais pela entrega final do que pelos processos burocráticos, restringindo-os ao que é considerado essencial. De modo geral, atuam com ciclos ou interações de períodos curtos, nos quais, ao final de cada processo, o produto ou serviço é considerado apto para a entrega. 

Logo, como o próprio nome da metodologia revela, esse conceito promove mudanças mais rápidas, possibilitando adaptações ao contexto atual. Assim, poderá ser impulsionado pela tecnologia, conferindo também mais competitividade e dinamismo.

Quais as principais metodologias ágeis para o RH?

Veja, a seguir, as principais metodologias ágeis e como elas são utilizadas no RH das empresas!

Kanban

O Kanban é ideal para aqueles profissionais que têm dificuldade de estabelecer prioridades em suas tarefas. Com esse método, é possível dobrar a produtividade, utilizando uma agenda simples com critérios de prioridade.

As ações são baseadas em referências visuais — a exemplo da utilização de post-its — e são separados em três fases:

  • To do (para fazer);
  • Doing (em execução);
  • Done (concluído).

O método pode ser utilizado na gestão de RH para otimizar o fluxo de trabalho da companhia, por meio de um planejamento simplificado e uma execução de atividades altamente eficaz, como política de remuneração. Um ponto positivo é que tem um baixo custo, ao mesmo tempo que torna mais eficiente o nível de comunicação entre gestores e funcionários.

Lean

A metodologia Lean tem como base a diminuição de desperdício de recursos, sendo usada pela Toyota, em meados dos anos 80, para a otimização do tempo, custo e qualidade, elevando a produção. No RH, a metodologia Lean traz a reflexão de que os parâmetros de lucratividade não podem ser o único critério analisado para o sucesso de uma companhia.

Por vezes, os times de trabalho desperdiçam dinheiro e tempo, que poderiam ser usados para o alcance de resultados ainda melhores. No contexto do setor de RH, o Lean é capaz de fazer a identificação de ações que criam prejuízos e geram fluxo de gastos desnecessários para a organização. A partir disso, é possível fazer a conversão desses recursos para projetos que tenham a capacidade de trazer retorno.

Scrum

O Scrum é uma metodologia muito conhecida, e seu êxito está em fazer com que todos os membros de um time de trabalho atuem em conjunto. Seus recursos são capazes de alinhar as expectativas de gestores e equipes, fazendo com que eles entrem em consenso a respeito do que precisa ser feito em um determinado projeto.

Com isso, cada integrante passa a fazer seus respectivos trabalhos de modo mais coerente e eficiente. O intervalo de execução do Scrum deve acontecer em 30 dias. Para otimizar a operação, as atividades são divididas em períodos menores de tempo, conhecidos como sprints. Cada uma dessas fases dá origem a um projeto menor que, ao final dos 30 dias, colaborará para que as estratégias desenvolvidas pelo RH sejam implementadas.

Quais os benefícios das metodologias ágeis no RH?

Além do dinamismo e uma maior eficiência dos processos, com a especial redução de tarefas operacionais, as metodologias ágeis no RH conferem outras grandes vantagens para o setor. Confira, a seguir!

Melhora na produtividade

A metodologia ágil separa os processos em fases e, com isso, cada membro da equipe passa a ter sua atividade definida, o que torna possível que os resultados apresentados sejam de alto desempenho. Dessa forma, o time compreende que o sucesso das ações em busca dos resultados depende, tanto do esforço individual quanto em grupo.

As colunas do método Kanban, por exemplo, são bem simples e visuais, sendo as principais: a fazer, fazendo e feito. Nesse contexto, ao apresentar um prazo para avançar as fases, as pessoas imprimem um ritmo maior nos trabalhos, intensificando-se a intenção de finalizar o projeto. O método Kanban pode ser utilizado para conferir uma maior rapidez no processo seletivo, por exemplo.

Simplificação de processos

Com as metodologias ágeis, os processos são desburocratizados e simplificados, tornando o trabalho muito mais fluido e racional. Para isso, em todas as rotinas de RH, é necessário definir, de forma clara, as fases de:

  • planejar;
  • desenvolver;
  • finalizar;
  • testar;
  • lançar.

O ponto focal de cada uma dessas ações será a entrega ágil e periódica de valor.

Aumento da agilidade

A metodologia Lean, traduzida para o português como “enxuto”, é muito utilizada por novas empresas e tem como objetivo promover mais rapidez para as atividades. Ela promove a redução de processos, utilizando o conceito Minimum Viable Product (MVP). Com essa prática, é possível alcançar três importantes pilares:

  • otimização do tempo;
  • customização dos serviços;
  • efetivação das demandas.

Como vimos ao longo desta leitura, as metodologias ágeis são capazes de conferir importantes diferenciais competitivos para as empresas. Em especial para o RH, que pode ter seus processos otimizados, ao mesmo tempo em que contribui para que a área seja mais estratégica. Afinal, para obter êxito, é preciso alinhar as aplicações dessas metodologias com os desafios e objetivos da área de RH.

Se você gostou deste artigo sobre metodologias ágeis, confira também este sobre KPIs de RH.

Assine a nossa newsletter e tenha em mãos as novidades mais relevantes sobre RH!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.